Sábado, 1 de Maio de 2004
Anti-Despe
A cadeia de Televisão ABC divulgou ontem um programa especial, onde o seu apresentador dizia, um por um, o nome dos 700 soldados norte-americanos mortos em combate no Iraque. A facção conservadora já reagiu e acusou os responsáveis da referida cadeia de serem “anti-guerra”, de longe, o maior insulto que pode existir em solo yankee. Os conservadores aproveitaram o tempo de antena para referir ainda que as célebres fotos dos soldados iraquianos em pelota (difundidas pela CBS) não passavam de provas que os americanos haviam organizado um “simples jogo do despe entre soldados inimigos como forma de convívio". Ao que parece, nos EUA, e como é habitual nos desportos americanos, o despe assume contornos algo distintos relativamente àquele jogado no resto do mundo. Assim, depois de perderem e ficarem completamente nus, os derrotados são ainda obrigado a colocar um saco preto na cabeça, a atar as mãos, a jogar ao mosh com os outros perdedores, e a fazer de abajur humano.



arquivos e isso
coisas menos coiso
digam que vão de minha parte
 Para deixar recado e assim
  • olhequenao@hotmail.com