Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Olhe que não, shô Doutor! Olhe que não...

Olhe que não, shô Doutor! Olhe que não...

E ficar no armário tornou-se mais difícil

pedro, 19.05.04
Aparentemente, e até prova em contrário, o Cláudio Ramos foi pai. Como devem calcular, as discussões que muitos de nós promovemos sobre se determinado indivíduo é ou não gay, ganham novos contornos. A partir de agora, alguns dos mais fortes argumentos empregues numa negação da homossexualidade, alheia ou própria, caiem ingloriamente por terra. De facto, se o “Ah, não é nada! Ele até tem namorada!” já tinha dado os seus últimos suspiros com o relacionamento do…haammm…apresentador(?), o “Ah, não é nada! Ele até é casado e pai de filhos!” foi ontem completamente arrasado…

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.